terça-feira, 30 de abril de 2013

Gangster Love - Capítulo 8 - Huge Mistake

“Você nunca vai valer muito pra quem não vale nada.”

Trailer da fanfic (aqui)
Leia esse capítulo no anime (aqui) + favoritem
Jessica P.O.V
Justin parou o carro em frente ao enorme prédio com o nome “Bieber’s Business UFC” destacado na cor azul escuro. Ele devia estar sentindo a mesma sensação que eu sinto quando entro em uma loja da Apple ou quando vejo pessoas falando sobre seus produtos. Mas na real, ele não parecia ligar nenhum pouco pra isso. Ele segurou minha mão e entramos na recepção. Uma garota loira e linda estava sentada em um balcão. Ela parecia ser muito jovem até mesmo para ser apenas uma recepcionista. O enorme relógio na parede marcava duas horas da tarde.
Ao ver Justin  a moça sorriu tanto que me perguntei como não rasgou os cantos da boca. Por que todas as garotas têm que ser loucas por ele?
- E ai Hailey! – ele beijou a bochecha dela. Nada profissional.
- Sr. Bieber! – a sua voz de anjo me fazia lembrar a Victoria, que de anjo não tem nada.
- Meu pai está? Fiquei de me encontrar com ele aqui.
- Ele está em reunião.
- É mesmo, acabei me esquecendo! – Justin bufou crucificando a si mesmo.
- Se quiser esperar no escritório dele! – sugeriu – Ele sai daqui à meia hora e vai ter exatos vinte minutos antes da próxima reunião.
- Você é a melhor Hailey!  - ele sussurrou no ouvido dela após pegar a chave em suas mãos - Vem comigo amorzinho! – ele puxou meu braço em direção ao escritório de seu pai.
Havia um sofá branco de couro enorme que formava uma pequena sala com uma televisão de cinquenta polegadas. Ao lado uma estante repleta de livros e troféus. Nas paredes alguns quadros de pinturas indistintas. Será que tinha um cofre atrás deles? Acho que ando assistindo muitos filmes de ação. Na frente da estante havia uma mesa média de madeira, uma cadeira grande de couro de um lado e uma do mesmo tecido das almofadas do outro lado. Justin se jogou lá se sentindo o rei do pedaço.
- Sabe, quando eu tomar o lugar do Trevor eu quero um lugar assim. Nada de salas subterrâneas!
- Ele se esconde em salas subterrânea? – questionei colocando minha bolsa em cima da mesa.
- Eu adoraria te contar essa história. Mas quanto menos você souber melhor.
- Olha lá, é uma foto de você com o Jeremy! – disse apontando para um porta-retrato na estante – Olha só o seu cabelo.
- Qual é, eu só tinha doze anos.
- Hilário! – exclamei.
- Você acha mesmo? – nem percebi como, mas de repente ele estava bem atrás de mim com suas mãos envolta da minha cintura.
- Acho! – respondi garantindo que minha voz sussurrante soasse sexy.
- Ótimo! – ele me virou para frente apertando as laterais do meu corpo com força. Senti seus lábios encostarem no meu pescoço, aquele era definitivamente o meu ponto fraco. Cada pelo do meu corpo se eriçou de desejo. Eu sabia que era errado especialmente pelo lugar em que estávamos mas eu não podia controlar os gemidos abafados em meio ao seu toque viciante nas bases do meu corpo.
- Nós não podemos fazer isso! – disse sem ao menos lutar contra o que estava acontecendo ali e agora.
- Sério? – ele riu puxando minha blusa desesperadamente, era notável o seu total descontrole, como se ele estivesse possuído ou algo assim. Exatamente como eu me sentia. Eu queria aquilo. E na verdade acho que desde a primeira vez que o vi. Desejo carnal? Talvez. Definitivamente.
- Você não vale nada! – dei risada e comecei a desabotoar os botões de seu terno, ele estava realmente empenhado em sua missão de impressionar o seu pai tentando parecer “civilizado”. Mas essa é uma palavra que não combina nenhum pouco com ele.
- Você também não! – ele jogou minha blusa no chão e fez o mesmo com a minha saia. Eu não sei como mas de repente até as calças dele estavam no chão. Era algo sobrenatural e insano que os segundos pareciam meio segundos. Senti meu corpo se chocar contra a mesa e os papeis, os porta-retratos, as canetas, as pastas e até o mesmo tablet se espalharem pelo chão.
Justin estava em cima de mim sem dar a mínima para o fato de que nós dois estávamos no escritório do pai dele que poderia chegar a qualquer momento. E por mais ridículo que fosse nenhum de nós podia controlar a fúria de desejo sexual que corria eminentemente dentro de nós naquele momento. Eu me sentia completamente fora do meu mundo quando seus lábios tocavam as partes mais sensíveis do meu corpo, como se ele soubesse exatamente os meus pontos de fraqueza. Está ficando clichê demais. Vamos logo para a parte em que ele riu alto e encostou nossos lábios impedindo que eu soltasse o maior grito de toda a minha vida quando seu pênis “enorme” diga-se de passagem entrou dentro de mim sem nenhuma preliminar. Honestamente, se o inferno fosse daquele jeito eu poderia apodrecer nele para sempre e não me preocuparia. Mas no momento só conseguia pensar em descreve-lo como “Paraíso”.
Ele ia cada vez mais rápido. Sabia que não tínhamos muito tempo. Oh céus, ele é muito bom nisso. Eu conseguia finalmente entender por que todas as mulheres ficam molhadinhas simplesmente ao ouvir seu nome.  O cara é um putão, ele consegue te deixar louca, te levar para outro mundo, te faz viajar nas fantasias sexuais mais insanas e pervertidas que você já imaginou que pudesse realizar. Suas entocadas ficavam cada vez mais rápidas e profundas, era quase como se eu pudesse senti-lo encostar no meu útero. Eu queria gritar, por que aquilo doía. Mas era o tipo de dor que eu suportaria até o último segundo da minha vida. Algo viciante e prazeroso. Como droga. Sem cura.
- Awnnn Awnnn Justin! – gemi em seu ouvido enquanto ele continuava entocando seu pênis com seu corpo em cima de mim.
- Isso vadia! Geme! – as sensações que ele causava dentro de mim eram inexplicáveis, nossos corpos se mexiam ritmados, aquela transa selvagem me mostrava de uma maneira estranha que nós nos completávamos como nunca. Cada uma dava o que o outro precisava.
Minha respiração estava ofegante, os gemidos eram mais baixos pois as forças estavam esgotadas. Justin colocou meu cabelo para trás desgrudando alguns fios presos a  minha testa suada. E ainda entocando dentro de mim por um momento seus olhos encontraram os meus, minha garganta estava seca e aquele momento me pareceu importante demais, era exatamente do que eu estava tentando fugir. De sentir algo por ele além de prazer. Por que por mais diferente que ele me olhasse naquele momento, daqui há duas semanas eu voltaria para a minha vida e ele talvez conquistasse tudo que sempre quis. Eu consigo fingir ser a garota que eu quero ser, mas não sei se sou forte o suficiente para lutar contra os sentimentos por alguém como ele. Como eu disse, um ser viciante.
Justin Bieber é uma droga!
Quando percebeu que estava ficando desconfortável ele desviou o olhar e eu senti seus lábios mordiscarem o bico de um dos meus seios. Logo ele chupava o mesmo como se estivesse mamando ou algo assim. A sensação era extraordinária, era êxtase puro. Seu membro dentro de mim, sua boca em meus seios, uma de suas mãos na minha cintura e a outra segurando minha coxa com força. Minhas mãos arranhando suas costas e minha cabeça do lado esquerdo de seu ombro, mordendo os lábios com força para não gritar de prazer.  Era desse jeito que ambos nos encontrávamos. Finalmente senti minha vagina mastigar seu membro e ele saiu de dentro de mim antes que seu jato de porra caísse ali e ganhássemos um pequeno Little Bieber para cuidar. Ele ficou de pé na minha frente. Seus olhos corriam por todo o meu corpo nu estendido pela mesa. Eu mal podia sentir as minhas pernas e ainda tentava controlar a minha respiração.
- Uau! – foi tudo o que eu consegui dizer ainda ofegante.
Justin riu e puxou minhas pernas até chegar ao final da mesa. Então ele puxou meus braços me fazendo sentar, se prostrou entre minhas pernas e roçou seu pau na minha vagina. Suas mãos seguraram meu rosto com pegada e ele beijou meus lábios certificando-se de que sua língua percorre-se todos os cantos da minha boca ferozmente procurando cada vez mais por um território que ainda  não tivesse sido explorado. Pousei minhas mãos na sua bunda carnuda por entre o beijo e apertei aquele local com força. Logo nós paramos o beijo, olho no olho nós demos risada e eu tirei as minhas mãos daquele lugar abençoado pelos céus. Eu queria realmente saber o que teríamos dito um pro outro a seguir mas um barulho do lado de fora nos fez acordar para a realidade. Aquela voz era indiscutivelmente de Jeremy!
- Meu pai! – Justin gritou desesperado procurando por sua cueca.
- Aqui! – joguei pra ele a cueca que estava na cadeira de seu pai e vesti a minha calcinha.
Eu estava tremendo de tão desesperada que estava. Mesmo depois de todo o cansaço a adrenalina fazia questão de continuar a pulsar em todas as minhas veias.  Vesti minha saia enquanto Justin abotoava sua calça. A alça do meu sutiã estava arrebentada então eu fiz a mesma coisa com a outra deixando-o tomara que caia, depois vesti minha blusa. Tinha ficado tudo desengonçado mas não importa. Creio que a secretária já estava costumada com isso por que parecia que ela estava enrolando Jeremy de propósito.
- Eu te ajudo! – disse enquanto Justin que se enrolava para abotoar sua camisa.
- Deixa que eu termino isso, coloca as coisas de volta a mesa! – sua voz demonstrava-se tão desesperada quando a minha, aliás nós tínhamos todos os motivos pra isso.
Ao me virar percebi o estrago que tínhamos feito. E não tinha mais como mudar as coisas. Jeremy adentrou ao escritório com um sorriso nos lábios. Justin que abotoava o último botão de sua camisa correu até ele forçando um sorriso e o abraçou. O homem cujas tatuagens eram escondidas por seu terno impecável lançou até mim o pior dos olhares ao notar o estado em que sua sala se encontrava. Acho que não vamos ser tão bem recebidos assim.
- Que diabos aconteceu aqui? – ele se afastou de Justin correndo os olhos por todas as suas coisas espalhadas pelo chão.
- Pai eu posso explicar! – Justin disse colocando seu palitó.
- Não precisa me explicar nada tá? Vocês dois, fora daqui!
- Por favor pai, eu preciso conversar com o senhor, eu...
- AGORA JUSTIN!
- Mas pai... – os olhos de Justin estavam marejados. E eu? Eu me sentia uma vadia destruídora de sonhos. Aquilo tinha sido uma besteira. Nós agimos como dois idiotas, não devia ter sido assim.
-  Eu realmente achei que você tinha mudado! – Jeremy não conseguia esconder a decepção que sentia do filho.
- Ok! – Justin pegou sua carteira que estava de baixo de uma das pastas caídas no chão e engoliu em seco tudo que estava sentindo, controlando-se para não desabar ali na frente de alguém que era tão importante pra ele.
Justin surprendentemente segurou minha mão e fomos em direção a porta. Assim que ele segurou a maçaneta uma lágrima escorreu pelo canto de seus olhos. E eu juro que se não estivesse ali não acreditaria no que estava vendo. Justin Drew Bieber chorando?
Definitivamente épico.
- Jessica! – o homem disse com um tom decepcionante – Você vestiu a blusa do avesso!
Ouch.
Fechei os olhos por breves segundos tentando me controlar. Após limpar a lágrima que não deveria ter caído Justin se virou para o seu pai que nos encarava indignado e demonstrou ser um ser humano.
- Eu sinto muito! – ele finalmente abriu a porta e deu passagem para que eu fosse na frente.
Após fechar a porta foi como se eu me sentisse aliviada. Mesmo que as coisas ainda estivessem completamente arruinadas eu meio que me sentia em paz por não estar sobre tanta tensão como naquela sala. Hailey, a secretária, nos olhou com pena deixando claro que ela também sentia muito. Eu não sei como mas graças a ela, ele não tinha nos visto pelados, isso seria bem pior. Não consigo nem imaginar onde esconderia minha cara se isso tivesse acontecido.
- Eu ouvi pela secretária eletrônica! – ela disse respondendo as perguntas que nós faziamos a nós mesmos – Faltava apenas alguns minutos para o Jeremy sair da reunião, eu ia avisar vocês mas tudo que ouvi pelo telefone foi os gemidos então eu deduzi que... bom, vocês sabem.
- Obrigada Hailey! – agradeci por nós dois já que o garoto mal conseguia abrir a boca.
Ele segurou minha mão de novo e eu lancei um pequeno sorriso para a jovem garota antes de ser arrastada para fora do prédio. Ele destravou as portas da Ferrari alguns segundos antes de chegar até ela. Quando eu me sentei no assento de passageiro Justin já estava dando ré no carro.
- Coloca o cinto! – ele disse sério.
Antes que eu tivesse tempo para fazer isso ele deu uma arrancada para trás que fez com que todo o meu corpo fosse lançado nessa direção e em seguida com toda a brutalidade para frente.  Senti minha cabeça atingir o vidro com força, era como se um martelo tivesse sido socado naquele local. Acho que fiz a pior careta de todos os tempos mas me controlei para não gemer de dor. Justin se quer olhou para ver se eu estava bem. Ok, ele se ferrou com o pai dele mas tentar me matar não parecia uma ótima opção naquele momento. Mas obedecendo os meus desejos de viver até os cem anos coloquei o cinto. Ele dirigia tão rápido que os meus cabelos voavam mesmo com as janelas fechadas. Ele estava ultrapassando todos os sinais vermelhos e pior ainda, o limite de quilometragem. Mas se tem uma coisa que eu aprendi nesse pouco tempo de convivência é que não se pode desafiar Justin Bieber. Então apenas encostei minha cabeça no banco e rezei para que chegássemos vivos em casa.
Chegamos na mansão em um tempo recorde de onze minutos e meio. Suspirei alto fechando os olhos e me sentindo aliviada quando percebi que finalmente estávamos na garagem de sua casa. Sã e salvos. Deus é tão bom pra mim quando eu só faço besteiras. Ele saiu do carro sem dizer uma palavra e já foi entrando em casa. Fiquei ali algum tempo tentando assimilar as coisas. O que eu estava fazendo ali afinal? Eu não pertencia aquele lugar. Estava tudo errado. Desci do carro e ao entrar na sala de estar encontrei Pattie sentada com um homem, eles riam enquanto assistiam a algum programa de TV muito chato na minha opinião.
- Jessie, querida! – Pattie me chamou com um belo sorriso.
- Oi Pattie! – tentei sorrir mas foi inúltil, claro.
- Esse aqui é Daniel, Dan na verdade. Ele é um amigo.
- Prazer Dan! – estendi a mão pra ele meio inquieta, eu precisava falar com o Justin, ele podia até cometer uma loucura de tão irritado que estava.
- Ele é o padeiro que a Leleca te falou. Nós estávamos aqui rindo do que as pessoas estão comentando,  só por que somos amigos não quer dizer que... – a interrompi de maneira indelicada.
- Desculpa Pattie, será que podemos conversar depois? – franzi o cenho – É que eu não estou em um bom dia.
- Aconteceu alguma coisa entre você e o Justin? Achei que ele estivesse mal humorado só por causa do Dan... – a interrompi mais uma vez.
- Não tem nada a ver com o Dan! – dei as costas correndo para as escadas – Mas vai ficar tudo bem, eu prometo.
Balancei a cabeça incrédula quando abri a porta do quarto e me deparei com uma fileira de pó branco em cima da pequena mesa de mármore ao lado da cama.
- Então é isso, você vai se entupir de droga? – cuspi demonstrando fúria.
- E se eu for? – ele me olhou – O que você tem a ver com isso?
- Justin não é assim que você vai fazer os problemas desaparecerem.
- Que problemas Jessie? – ele riu amargo – Acabou.
- Você desiste assim tão fácil?
- Me diz o nome de uma pessoa no mundo que poderia colocar um milhão de dólares na minha mão a não ser o meu pai.
Eu poderia dar esse dinheiro a ele mesmo sabendo para o que era. Porém a minha relação com os meus pais estava meio “abalada” por causa dessa “pequena” fuga para outro país com um desconhecido.
- Nós vamos encontrar um jeito! – disse baixo.
- Acabou Jessie. – ele abaixou a cabeça começando a cheirar o pó espalhado pela mesa. Aquilo me deu náuseas.
- Para com isso merda! – puxei sua camisa no ombro empurrando ele para trás.
- O que você pensa que está fazendo? – ele gritou irritado segurando meu pulso com força – Você não é nada pra mim porra! Para de se meter!
- Eu não tenho culpa se você não consegue segurar o seu pinto dentro da sua cueca! – disse irritada, eu realmente tinha a intenção de machuca-lo.
Ele soltou meu pulso e chutou a mesa com força.
- Você não pareceu se preocupar com isso quando gemia o meu nome!
Observei ele bater a porta com toda a força que tinha após passar por ela.
Algumas lágrimas sorrateiras começavam a brotar nos meus olhos escorrendo por toda a extensão do meu rosto.
Era tudo culpa minha, exclusivamente minha.
Eu nunca deveria ter saído de Nova Iorque. Eu sou uma louca. E agora nem os meus pais estão preocupados comigo. Eu consegui afastar até  mesmo a minha família com os meus surtos de adolescente imatura.
Eu precisava consertar as coisas pelo menos uma vez na minha vida.
Peguei o celular e liguei pra única pessoa que sempre me ajudava a sair das piores encrencas.
Victoria.
Em Manhattan é assim: Duda e eu fazemos besteiras. Victoria as desfaz sem deixar rastros. É claro que ela sempre conta com a ajuda do Bob.
- Alô? Jessie é você?
- Oi Vick! – minha voz estava chorosa.
- O que aconteceu? Por que está chorando?
- Eu preciso da sua ajuda.
- O que ele fez com você? – perguntou furiosa – Eu juro que vou até o Canadá e corto o pinto daquele maníaco.
Sorri sem humor, só ela conseguia isso.
- Não Vick, na verdade, nós fizemos.
- Como assim?
- Justin precisava de um investimento para uma empresa que ele vai montar ai em Nova Iorque! – menti, na verdade eu apenas “omiti” os fatos reais – Só que a única pessoa que poderia ajuda-lo era o seu pai, eu fui com ele no escritório do pai dele hoje mas ai nós transamos e o pai dele chegou e foi tudo por água abaixo!
Ou my god! – murmurou incrédula.
- Eu não sei o que fazer Vick! – disse desabando de novo.
- O que o Justin disse sobre isso?
- Nós brigamos feio. Ele saiu batendo porta, ele pode cometer uma loucura, ele estava muito nervoso.
- Jessica isso é muito simples de resolver! – ela disse calma.
- Você acha? – foi impossível não dar uma risada sem vida.
- Sim! – reafirmou – Você só precisa falar com o pai dele.
+120 comentários
Continua *-*

 Falem comigo (aqui)  ;)

136 comentários:

  1. Respostas
    1. Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah pela 1° vez .. Aaaaaaaaaah ta perfeito Dricka , continuuua logo .. Quero ver a paz reinar de novo sahuasuhsauhsauhashusauhsauhasuhsa

      Excluir
  2. PEEEEEEEEEEEEEEEERFEITO

    ResponderExcluir
  3. Heeey drikaa!!! deve ta lindo e perfeito como sempre ainda vo ler!!! beijooos !!! hahaha.. <3 Ellen aqui..

    ResponderExcluir
  4. sooooooooooooocorro, q q isso em!!! Ta perfeito demaaaaaaaais, continua @drewgifted

    ResponderExcluir
  5. Ahhhhhhhhhhhhhhh já tô curiosa para o proximo ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh obrigada pelo hot Drika Kkkkkk' continue sua diva s2

    ResponderExcluir
  6. *------------------------------------------------------*

    ResponderExcluir
  7. Nuss ta mto perfeito :3
    Continua logo pf :D

    ResponderExcluir
  8. Nosssssssssssa que foda mano , continua ta muito perfeito sem maldade ^^

    ResponderExcluir
  9. Oooooh my bBieber cara eu to TREMENDO de nervosismo to SUANDO FRIO juuro ñn sei como to conseguindo escrever ! Continuua babe

    ResponderExcluir
  10. Não eram um casal perfeito, daqueles de cinema. Brigavam muito, ficavam um tempo sem se falar e nesse intervalo ainda rolava uma guerra de indiretas, cada um querendo ser o dono da verdade. Mas no fundo eles sabiam que tudo era joguinho bobo de orgulho, e que por trás das caras fechadas e bicos não se aguentavam de saudade. Tudo bem se eles passavam uma imagem de cão e gato, mas uma coisa é certa… Eles se amavam mais do que qualquer coisa.
    --> Daqui a alguns dias éh assim que eu vou estar lendo kkkkkkkkkk
    continua
    @PriiihRcoha

    ResponderExcluir
  11. Aaaaaaaa to surtando de tão perfeita!! Continua!!!!!

    ResponderExcluir
  12. aaaaaaaaa ella tem q falar com o pai do Juus, pra eles conseguirem a grana hehehhehe contiinuua

    ResponderExcluir
  13. Continua ta perfeitaaaaaaaa to muito curiosa com isso julia

    ResponderExcluir
  14. Oi amor, eu to começando a escrever uma Imagine, será que você pode ler e comentar? http://imagine-jeliebers.blogspot.com.br Espero que goste :) Ah, pode divulgar pra mim por favor? Obrigada linda

    ResponderExcluir
  15. Vem k dricka e vamos marcar o nosso casamento, meu deus cara que perfeição shaushauhsa
    HOT AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
    ameei
    continuaaaa

    ResponderExcluir
  16. Ameiiii demais continua Dricka. Amada se os comentarios derem hj ainda vc posta o proximo cap? E até que horas vai ficar acordada hj ? Me responde no Twitter @Biebersmymaniaa amo vc S2

    ResponderExcluir
  17. Owhhhhhhhhhh ela tem q dar um jeito!!!! Ta perfeitoo continuaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  18. Meeu deus que tenso vlh coitada dela na situação dessa!
    Ngm mandou os dois serem uns safados ner?
    uuashuashu' Suua linda está perfeitoo

    ResponderExcluir
  19. Ahhhh mas ela avisou ele q quis u.u kk continuaaaaa

    ResponderExcluir
  20. Ai meu Deus e agora?? Fudeu né, hahahaha... Perfeito amore!! @MarinaVillela12

    ResponderExcluir
  21. QUE PERFEITO!!! Continua logo, amor.

    ResponderExcluir
  22. mannnnnnnnnnnnnnn c0omo pode isso !!! eles tranzaram no escritorio do pai dele kkkkkkkkkk ri demais !!!! ta perfeitoooooooooooo continua

    ResponderExcluir
  23. Aiiin Drikaa , continuua logoog " , Quando você vai fazer uma gracinha de postar 2 capitulos em um diia só ?? haha Amandoo *--* '

    ResponderExcluir
  24. MELHOR IB DE TODOS OS TEMPOS

    ResponderExcluir
  25. Continuaaaa <3

    ResponderExcluir
  26. OMG OMG ta mais que perfeito socorro mds acho que kndbzjsdkajsfnkmads continua logo pls pls pls -ste

    ResponderExcluir
  27. mdds , curiosidade level 100 aqui kfoinewoidnsixn
    Tá perfeito pfvr *o*

    ResponderExcluir
  28. Aai meeu deeus , eles gostam de se meter em encrenca viu suhsushusuh ta perfeitoo . Beijooos <3
    By : Maria Laura

    ResponderExcluir
  29. Ainnn cara, quero que seus capítulos sejam tri big... é muito perfeitoo
    Continuaa

    ResponderExcluir
  30. *oooooooooooooooooooooooooooooooo* VOCÊ É DEMAIS SÉRIO VÉY ... eu te amo , amo o Justin , amo suas FIC'S !
    Continua s2 *-*

    ResponderExcluir
  31. que tenso shdjajans continua dricka sua ib é viciante kra todo dia eu atualizo aqui pra ver se tem capitulo novo kkkk é a vida

    ResponderExcluir
  32. Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    Diz que vai dar tudo certo?? HAHAHA :D
    @biaabeliber

    ResponderExcluir
  33. Continuaaaaaaaaaa, tá tudo muito perfeito!!!

    ResponderExcluir
  34. ah meu Deus na melhor parte se para nea, sua chata
    continua

    ResponderExcluir
  35. JEEEEESSUUUSSS !!!! CONTINUAAAAA
    vai da merda ela ir falar com o jeremy hahahaha quero so ver Hahaha posta logooooo

    ResponderExcluir
  36. PERFEITO AMEI . TÔ TISTI TADINHO DO JUS D:

    ResponderExcluir
  37. Continuaaaaaaaaaaa pelo amor de deus!!! Continuaaaa!! Ta perfeitoooooooooo

    ResponderExcluir
  38. Que imbecil cra, coitada da Jess ! PQP ! Mas ta um apego *-*

    ResponderExcluir
  39. Muito perfeito, esta de mais. Continua

    ResponderExcluir
  40. Driicka me ajuda to morrendo continua logo eu vou ter um infarto, vai postar amanha ne dramatica q eu amo s2 nao vejo a hora !!

    ResponderExcluir
  41. Que perfeitoo!! Dricka posso te pedir um favor? Vc pode ler minha fanfic? é esse blog: believeinyourdreamsimaginebelieber.blogspot.com

    ResponderExcluir
  42. Safadinhos Eles Hein?!
    O Jeremy Ficou Boladão.
    Essa capitulo foi muiiito boom...

    ResponderExcluir
  43. maravilhoso!
    Continua logo *-*
    @AnaSaviaL

    ResponderExcluir
  44. Ta perfeito continua logo

    ResponderExcluir
  45. OMG , KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK'
    #Morri aqui namoral , dricka tu é foda mina .

    ResponderExcluir
  46. Uaaaal , foda demais cara .
    Continua logo . :D

    ResponderExcluir
  47. Continuaaaaaaaaaaa... perfect!! adorei..

    ResponderExcluir
  48. irduyd6ryd8575tutjfjyf pftooooooo continuaaaaaaa

    ResponderExcluir
  49. Amei! Naum sei pq mas sempre dou risada nas partes hots kkk', qro q o jus se apaixone por ela e vire um cavaleiro safado ashuashuashu'

    ResponderExcluir
  50. PUTA QUE PARIU! g-zuis, que hot foi esse menina ? AKOSPAKSOPAS u.u ela vai conseguir consertar tudo isso ? espero *u* perfeito (:

    ResponderExcluir
  51. Ai cara tá perfeito. Continuaa

    ResponderExcluir
  52. muahhahahah da vontade de ...... sei lá qualquer coisa.... tu és foda menina.....

    ResponderExcluir
  53. ahhhhh ap primeira vez ..... perfeito continua diva

    ResponderExcluir
  54. Aaah perfeito e tals *----*
    justin maconheiro KKKKKK tadinho ;c

    @liv3drew

    ResponderExcluir
  55. Aaah perfeito e tals *----*
    justin maconheiro KKKKKK tadinho ;c

    @liv3drew

    ResponderExcluir
  56. ta demais isso aq mano
    continuaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    by: Carlaa

    ResponderExcluir
  57. Oi Dri! Como vc ta? kkk Bom eu to lendo a tua fic no Anime so que eu tenho preguiça de comentar la ai vou comentar aqui so que as vezes nao vou kkk
    Wow unico jeito mesmo é falar com o jeremy!
    Amora contina pq eu ameii!! Ta cada vez mais perfeito e que sexo uiiI!
    Bjs linda até!

    ResponderExcluir
  58. Continua tá demais ahahaha eita kra eles são fodas tbm tanto lugar tinha que ser logo no escritório do jeremy skapokaop aiaiai e até que enfim o padeiro apareceu skaosakpso to amando continua logo!!

    ResponderExcluir
  59. To amando Dricka, estar super, ultra, hiper, mega perfeito!
    O nome do Padeiro é "Dan", eu me lembrei do filme "O Padrasto".
    Bom, continua linda to amandooooo!

    ResponderExcluir
  60. My god que perfeição! Posta logo pf

    ResponderExcluir
  61. AI MEU DEUS QUE PERFEITO, QUE VIDA QUE TUDO , CONTINUA LOGO U.U

    ResponderExcluir
  62. Que perfeito mas n faz o justin fumar... Eu fico triste

    ResponderExcluir
  63. OMJ!!!! MTO PERFEITOO *-* CONTINUUA , PFVR FAZ O JUSTIN E A JESSIE SE ACERTAREM *-* AMEI

    ResponderExcluir
  64. ai cacete,to explodindo de anciedade pelo próximo. @miinfb

    ResponderExcluir
  65. Nossaaa, demaaaais !! Continua <3

    ResponderExcluir
  66. Amei demais, continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  67. ontinuaaa ta perfeitooo

    ResponderExcluir
  68. nossa essa fic vai ser muito foda continuaa

    ResponderExcluir
  69. PERFEITOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  70. esse é o melhor blog

    ResponderExcluir
  71. http://imaginebelieberswagswagswagonyou.blogspot.com.br/ entrem lá amores, por favor

    ResponderExcluir
  72. essa ib ta mt fodaa continua logoo! :)

    ResponderExcluir
  73. Essa fic ta demaaais !! Continua

    ResponderExcluir
  74. Os safadinhos se deram mal haha
    Ficou muito bom esse capitulo :)Continuaa
    Beijo,
    Isadora

    ResponderExcluir
  75. OMG QUE PERFEIÇÃO! Dricka vc é muito perfeita! As suas fics são perfeitas! Essa fic ta perfeita! Passei uma semana sem ler que horror, mas ja li todos os capitulos atrasados e eu não preciso nem dizer que ta tudo perfeito né? Mas eu digo assim mesmo ESTA MUITO PERFEITO! Embora eu não goste muito dessa personalidade do justin, eu amo a sua fic. Amo tudo que vc escreve, é uma perfeição mesmo! Eu amo você Dricka! Beijos *-*

    ResponderExcluir
  76. SUPEEEEEEEER AMANDO!!!! INCRIVEL, INCRIVEL, INCRIVEL, INCRIVEL. CONTINUAAAAAA! *-*

    ResponderExcluir
  77. QUE ISSO MEU DEUUUUUUUUUS ? PERFEIÇÃO DEFINE.
    DRICKA TU É PERFEITA SEM MAIS .
    CONTINUUUUUUUUUUUUUUA U-Ú

    ResponderExcluir
  78. plmdds ! Ta perfeito demais .. muuuuito diva você :P
    Cooontinua Diva:)

    ResponderExcluir
  79. ............ huum, já li isto 5 vezes que nem percebi se comentei ou não, por isso se comemtei, não faz mal comemto outra vez.... LINDOOOOOO QUERO MAIS #FIM #Bubu

    ResponderExcluir
  80. agsdshfikxoxi
    MOREENDO AKIE CONTINUA

    ResponderExcluir
  81. Posta maissssssss por favor amando aqui, Leitora nova

    ResponderExcluir
  82. Conntiiinuuuaaaa
    Será que o Jeremy vai gostar de falar com ela ??? sei nao hein kkkk
    continuaaa

    ResponderExcluir
  83. COEMNTEM ATÉ 121 COMENTARIOS

    ResponderExcluir
  84. Continua ..omg ..perfeitoo @MysweetieBieber

    ResponderExcluir
  85. Driiiiika linda poste mais, tô morrenu aqui u-u

    ResponderExcluir
  86. Amo suas fics !! E já estou amando Gangster Love *.* Continuaa. - Marya

    ResponderExcluir
  87. sua lindaa, posta logo G.G

    ResponderExcluir
  88. Contiinua gata ;)) estamos esperando baaby .

    ResponderExcluir
  89. Ahhhhhhhhhhh gente que barraco , posta logo antes que eu tenha um troço pq ne , nao da pra resistir ao justin , so quero ver essa conversa kkk continua princesa ...

    ResponderExcluir
  90. oh my god,oq sera q vai acontecer? Bieber safadinho ,hmm gostei kkk

    ResponderExcluir
  91. Continua ,por favor.
    :D

    ResponderExcluir
  92. aim mdls continua looogo pleeeeeaase

    ResponderExcluir
  93. OI? COMO ASSIM?????? PAROU PQ??????????????? CONTINUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!

    ResponderExcluir
  94. AAAAAAAAAAAAAAW, S-O-C-O-R-RO, meus ovários explodiram U-U quem quiser doar, estou aceitando. nousa, q história ozada é essa minina, q até explodiu meus coitados dos ovários HEHE *-* sério, mto perfeito. ~le leitora nova aqui, prfvr.~ como tú para na melhor parte? -' não, como assim? quer me matar, caralho?! XATEDA feat BOLADONA. afz, vontade de ir atrás de tú com minha faca da Barbie e te dar umas facadas profundas, unf U-U #PAREI, sou violenta não haha *-* #paz&amor. Amei esse capítulo anw, qro a continuação o mais rápido possível, prís diva *OOO* HEEEY, tenho mó vergonha de pedir, buut.. pode ler ou divulgar meu bróg fodidin? --' sério, ele não é tão foda quanto o teu mas da pro gasto ;s http://wehaveswaggy.blogspot.com.br/ cooooontinua diva, to morrendo de curiosidade HAHA *O*

    ResponderExcluir
  95. #Curiosa
    Posta logo, eu necessito!!!!!
    Amandoooo!!!

    ResponderExcluir
  96. continuaaa logo please ^^

    ResponderExcluir
  97. Safados de mais esse dois Jesus u.u

    ResponderExcluir
  98. voces abandonaram esse blog? poxa eu amava as imagines ! :(

    ResponderExcluir

Adoraria saber o que você achou do capítulo. :)