quarta-feira, 3 de abril de 2013

Protected in Paradise - Capítulo 27 - First Dance

Quando eu fecho meus olhos. Eu vejo eu e você no baile de finalistas. Nós dois estamos esperando há tanto tempo para esse dia chegar. Agora que está aqui, vamos torná-lo especial. 
 Candi P.O.V - Para ler esse capítulo no anime clique (aqui)

- Como assim o senhor não vai poder ir à minha formatura pai? – eu bem que tentei segurar as lágrimas, mas elas fugiam do meu controle – Cara é a minha formatura do ensino médio, fala sério!
- Desculpa filha! – ele estava no seu escritório mexendo em todas as gavetas procurando por algo que ele não conseguia encontrar, ele estava nervoso, não mais que eu, mas estava – Você sabe que eu queria muito ir, mas aconteceram umas coisas e – ele fez uma pausa quando se agachou para alcansar à última gaveta – E eu não vou poder ir princesa, sinto muito!
- Eu nunca vou te perdoar por isso! – falei histérica saindo do escritório dele após bater a porta com força sem dar a mínima para seus pedidos de desculpas esfarrapados.
É sempre assim, foi assim a minha vida inteira. Por que desde que eu nasci ele sempre tem que colocar a porra do trabalho em primeiro lugar. Foi assim quando eu tinha cinco anos e tive a minha primeira apresentação na escola, foi assim no Show de Talentos da sexta série, foi assim quando eu fui líder de torcida pela primeira vez no primeiro ano, foi assim na Feira de Ciências do ano passado e vai ser assim na minha formatura do ensino médio e eu aposto que ele vai inventar uma boa desculpa para não comparecer ao meu casamento caso esse dia chegue algum dia.
Entrei no meu quarto e encarei aquele vestido longo de mangas cumpridas com um decote apenas nas costas. Ele estava bem passado estirado em cima da minha cama. Ao seu lado estava o meu sapato rosa claro em cima de sua caixinha que denunciava uma marca cara. Minha mãe tinha comprado o meu vestido e o meu sapato. Nós escolhemos juntas, assim como a Stacy. Olhei para o relógio na parede que indicava serem seis horas da tarde. Eu estava tão animada pra hoje e agora parecia que tudo ia mal, que no fim não ia ser como eu queria, ia ser uma merda. Suspirei e cai sentada no chão, encostei minhas costas na parede e abracei meus joelhos tentando me lembrar de um motivo se quer para me levantar e ir tomar banho para me arrumar para essa porra de formatura para a qual eu não dava à mínima.
Justin Drew Bieber, eu pensei e então me levantei peguei minha toalha e fui até o banheiro.
[...]
Me olhei no espelho uma, duas vezes. Fiz milhares de poses, ajeitei mais uma vez o penteado improvisado no meu cabelo, fiz umas caretas admirando a cor leve daquele batom, passei a mão no meu vestido sentindo o tecido brilhoso esplendecente, puxei a barra e fitei o sapato mais uma vez. Então parei por alguns segundos e fiz tudo de novo. Eu tentava encontrar algum defeito, algo terrível que me fizesse tirar aquele enorme brilho e me enterrar de baixo do edredom, que me fizesse apagar e acordar no dia seguinte sem me lembrar de hoje, como se hoje nunca tivesse existido.
- Uau! – ouvi a voz rouca e sexy de Justin me surpreender, pelo reflexo pude vê-lo parado na porta me olhando feito um bobo.
- Amor você está um gato! – me virei e analisei atentamente a roupa que ele usava, como ele pode ser tão Swag? Aquele vans vermelho combinava totalmente com a sua calça preta que era colada nas pernas e saruel na frente, na verdade elas caiam tanto que estavam quase no joelho dele. Ele também vestiu uma regata preta com um tecido diferente, mais brilhoso, sei lá, isso acompanhado de uma blusa de frio fina de manga comprida. Ah Meu Deus ele estava um gato. Fora aqueles óculos pretos e aquela corrente e pulseira prata.
- Nada que possa ser comparado a você! – ele se aproximou de mim com uma das mãos para trás e então usou a mão livre para envolver minha cintura colando nossos corpos e esbarrando levemente nossos lábios – É a garota mais linda de todo o universo e a galáxia inteira!
- Bobo! – tapei o rosto dele com as mãos rindo, como ele podia ser tão besta? Só ele pra conseguir me animar, me fazer sorrir quando eu vejo que as coisas não estão indo bem, só pra ele pra deixar perfeito o que jamais poderia ser ou chegar a ser – Acha mesmo que ficou bom?
- Olha Srta. Mackenzie vou ignorar a sua pergunta ok? – ele me olhou feio e então tirou sua mão das costas colocando em minhas mãos uma flor amarela, não pude identificar sua espécie, mas era simplesmente a for mais linda que eu já tinha visto em toda a minha vida, levei-a até o meu nariz sentindo aquele aroma delicioso e então abracei Justin com força quase quebrando as costelas dele, por que abraço pra mim só se for de urso – Flor... Para outra flor!
- Você é o melhor namorado do mundo sabia? – passei a língua nos lábios – Eu pedi um cara gostoso e Deus me mandou o Paraíso, pacote completo.
- Hum, paraíso é? – ele apertou minha bunda, se aproximou mais e mordeu meu lábio inferior, assim que ele afastou seus lábios eu o puxei de volta desesperada para sentir sua língua quente invadir minha boca. Ele foi habilidoso e doce, ele foi o meu Bieber, um safado romântico, ah meu Deus, o que mais eu poderia querer? – É melhor nós irmos logo, estamos atrasados.
- Chaz já foi buscar a Stacy? – peguei minha bolsa carteira que combinava com o vestido e me olhei mais uma vez no espelho, eu só queria que essa noite fosse perfeita apesar de tudo, afinal mesmo que meu pai não fosse eu ainda poderia estar ao lado das pessoas que eu mais amo na vida, as pessoas que a cada dia preenchem mais um capítulo da minha história – Nem sei se minha mãe já está pronta!
- Sua mãe? – Justin me olhou confuso – Mas quando eu cheguei ela estava saindo com algumas malas, achei que ela nem fosse mais.
- Malas? – arregalei os olhos saindo rapidamente do quarto, ele seguiu atrás de mim e eu descia as escadas as pressas, ele tentou me segurar para que fosse mais devagar, pois estava de salto, porém a raiva estava me consumindo por completa – Como assim malas? – abri a porta do escritório e meu pai não estava lá, passei pela sala de jogos e nada de um ser vivo. Sala de estar também não. Justin me seguia arrependido de ter me dito aquelas palavras, porém de um jeito ou de outro eu logo saberia. Finalmente entrei na cozinha e pude ver Zoe terminando de guardar a louça – Cadê a mamãe, ela está pronta Zoe?
- Menina Candi a sua mãe acaba de ir pra Los Angeles, achei que você soubesse!
- O que? – minha garganta estava seca – Não pode ser!
- Ela brigou com o seu pai! – ela explicou – Ultimamente todo mundo aqui só sabe brigar, mas parece que dessa vez foi mais sério por que ela saiu muito brava daqui!
- MERDA DE VIDA! – gritei iniciando um choro.
- Amor não fica assim! – Justin me agarrou pela cintura – Vem cá vem nós vamos nos divertir muito hoje, eu prometo!
- Não Justin, eu cansei! – gritei histérica – Por que é sempre assim, eles sempre se esquecem de mim, eles não dão à mínima, a família de todo mundo vai estar lá se sentindo orgulhosos deles e eu? Eu não tenho ninguém, por que eles são uns idiotas que só pensam em dinheiro, em fama, em aparecer.
- Calma bebê, se acalma! – uma de suas mãos estavam alisando minhas costas e a outra afagando meus cabelos, eu estava com o rosto enterrado em seu peitoral enquanto ele aos poucos ia me acalmando, ele era a única pessoa no mundo pela qual a vida valia a pena – Eu estou aqui viu, vai dar tudo certo.
- E se não der? – questionei levantando o olhar para aquele mar de mel, havia uma doçura tão grande naqueles olhos, não só por lembrar mel, mas também por que quando eu olhava pra eles eu sentia que era real, eu sentia que nada no mundo poderia destruir o meu sorriso, por que eu precisava sorrir por ele, por que apesar de tudo que estava acontecendo ele merecia o meu amor, ele merecia a minha alegria, ele merecia o melhor nada de mim, e mais do que nunca eu merecia ser feliz.
- Se não der nós vamos nos foder juntos por que eu não vou te deixar na mão de jeito nenhum! – ele me abraçou mais forte – Eu escolhi amar você e quando eu escolhi isso eu também escolhi estar ao seu lado independente do que acontecesse.
- Você é perfeito demais pra ser real! – falei sorrindo abafada.
- E você é linda demais pra ficar chorando por causa dessas pessoas que te deixam mal! – ele segurou meus braços e nivelou nossos olhares – Eles não merecem as suas lágrimas Candi! Agora levanta essa cabecinha esmiolada e vamos nos divertir por que a noite é uma criança!
[...]
O salão estava decorado com cores alegres. Rosa, amarelo e azul claro. As cortinas enormes deixavam o ambiente ainda mais agradável, apesar de muito cheio dava para se notar o quanto toda a dedicação valeu a pena. Todos os alunos desde o primeiro ano estavam ali paras nos prestigiar, na verdade eles estavam ali parar farrear e morrer de inveja esperando ansiosamente para o dia em que seriam eles. Eu costumava pensar assim, mas conforme o tempo vai passando isso se torna uma coisa tão insignificante. A cerimonia tinha sido emocionante, todos bateram palmas para o discurso fantástico da minha querida prima Stacy, ela realmente me deixou impressionada com a sua competência e criatividade. Na hora de entregar o diploma, quando chamaram meu nome e eu subi lá em cima para pega-lo, Justin gritava e assobiava bem alto assim como minhas amigas e quase todos os garotos do auditório. Justin fazia cara feia quando ouvia alguma cantada barata e eu apenas ria. Só ele podia preencher o vazio que eu sentia pelos meus pais não estarem ali.
E foi depois da cerimonia que fomos para o Salão do Baile. Ele não conseguia parar de me dizer o quanto eu estava linda, além de falar coisas pervertidas e agir como um retardado mental. Ninguém acreditaria se eu dissesse que ele chutou uma mesa que estava cheia de cogumelos, mas isso realmente aconteceu. Eu fiquei sem reação e ele disse que cogumelos são bichos malignos que querem acabar com ele. Totalmente normal né.
- Essa é pra você baby! – ele disse colocando uma taça de Whisky nas minhas mãos que ele tinha acabado de pegar com um garçom que estava passando – Vamos brindar a mulher maravilhosa que está aqui na minha frente!
- Justin você já tá bêbado é? – dei risada – O que deu em você pra me dar Álcool pra beber? Tá doente?
- Só acho que você merece, hoje é o seu dia, devia ficar feliz! – ele envolveu minha cintura e tocou nossas taças em um brinde, depois tomou um gole olhando no fundo dos meus olhos com aquele jeito sexy.
- Mas eu estou feliz! – garanti tentando desviar os olhos daquele mar de mel.
- Feliz Candi? Feliz está a Stacy, aquela Alice, a Sommers e até o filho da puta do Math! – ele fez uma pausa e concentrou seus olhos em mim – Mas você, você parece mais perdida do que tudo.
- É só que... – suspirei e olhei para o chão.
- Candi vem cá... – ele segurou minha taça e colocou em cima da mesa, fez a mesma coisa com a dele e então me puxou para o meio do salão, não tinha ninguém dançando ainda, a música era lenta e as pessoas ainda estavam sentadas nas mesas comendo, conversando e rindo.
- O que você está fazendo Jus? – quis saber e ele se aproximou do palco onde estava a banda arrumando o som e o DJ que estava tocando as músicas, a música que se ouvia aquela hora era tão lenta que eu achei que fosse um velório, dava mais depressão ainda.
- Ei, você, ei! – Justin chamou o homem que aparentava ter trinta anos e era bem descolado, estava com uma camiseta lindíssima. O homem tirou os olhos dos aparelhos por um breve segundo e encarou Justin – Por favor, eu queria que colocasse uma música mais agitada!
- Eu não estou autorizado ainda! – falou sem tirar os dedos do equipamento de som magnifico que ele controlava – Por enquanto só música lenta.
- Sabe essa garota aqui? – Justin apontou pra mim, eu estava me escondendo atrás dele sem acreditar que ele estava realmente fazendo aquilo – Linda não é? – o homem assentiu me olhando com malicia, mas Justin o ignorou – Ela tá triste hoje, e sabe de uma coisa? – o homem balançou a cabeça que não – Ela fica ainda mais linda sorrindo.
Surpreendentemente ou não o homem deu uma piscadinha pro Justin e mudou de música. Tocou “Locked Out Of Heaven”. Essa era uma das minhas músicas preferidas e então Justin me puxou pela cintura para o meio do salão. Ele dançava de tudo quanto é jeito, se mexia de todas as maneiras possíveis, pegava minha mão e me rodava, ás vezes segurava minha cintura me fazendo mexer o quadril e então colocava minhas mãos na cintura dele pra eu fazer o mesmo. Ele fazia umas caretas sinistras dizendo que estava me ensinando a como ser sexy, eu quase morria de tanto rir daquele retardado. As pessoas começavam a se levantar e se juntar a roda que crescia cada vez mais. Logo a tristeza havia ido embora, eu só conseguia rir e dançar loucamente as músicas que se seguiram.
Quando deram duas horas da manhã começaram a tocar músicas mais românticas, a pista estava mais cheia do que nunca, eu estava soada de tanto dançar, minha respiração estava ofegante e descompassada. Justin não estava diferente. Eu pensei que finalmente poderíamos sentar já que meus pés estavam começando a doer em cima daquele salto de 11 cm. Mas em vez disso Justin envolveu seus braços em minha cintura e colou nossos corpos, coloquei minhas mãos em seu pescoço e nossos olhares se encontraram.
Ele fez mais uma careta muito “seduzente” e eu dei uma risada alta e encostei minha cabeça em seu peitoral enquanto dançávamos com passos lentos e curtos. Ele me abraçou mais forte e cheirou meu pescoço causando um arrepio que percorreu todo o meu corpo como um choque elétrico, como uma pontada na espinha. Ele tirou uma de suas mãos das minhas costas e então segurou meu queixo, depois aproximou nossos lábios e eu fechei os olhos para sentir sua língua quente percorrer lentamente cada canto da minha boca ao som daquela música romanticamente perfeita. Ele foi habilidoso, ele foi romântico e perfeito. Aliás, perfeito era a única palavra que poderia descrevê-lo. Não tem como, ele é o amor da minha vida, ele é a minha paixão platônica, ele é a minha salvação e a minha perdição, ele é tudo que eu nunca pensei que pudesse ter, e é por isso que todos os dias antes de dormir eu fecho os olhos como nesse exato momento e agradeço a Deus por ter o colocado no meu caminho. Só assim as coisas fazem sentido, só com ele.
- HEY! – gritou Stacy ao se aproximar de nós depois que a música acabou e começou a tocar outra – Justin!
- Que foi? – Justin a fuzilou com os olhos por cima do meu ombro, ele odeia falar com ela, aliás, ele a considera uma das pessoas mais irritantes do mundo.
- Chaz quer falar com você coisa chata! – ela se virou de costas antes que ele pudesse perguntar o que o Chaz queria. Justin me olhou por um breve segundo.
- Pode ir lá! – tirei as mãos do pescoço dele e ajeitei o meu vestido – Eu vou beber alguma coisa bem ali tá? – apontei para o lugar onde ficava o maior número de garçons.
- Certo! – ele selou rapidamente nossos lábios e saiu à procura de Chaz.
Sai da pista logo depois em direção as bebidas. Em uma das mesas havia uma família. Três pessoas. Mãe, pai e filha. Era a Lily que senta na primeira carteira ao lado da professora. Ela é a nerd da sala e os pais dela pareciam ter tanto orgulho dela, eles a abraçavam com ternura e então de repente estavam rindo e conversando sobre coisas. Eu queria ter um tempo assim, eu queria ter essa atenção, eu queria, queria mais do que tudo uma família normal. Meus pensamentos foram interrompidos quando eu acabei esbarrando em alguém, em alguém que eu não queria ver nem pintado de ouro.
- Ei, cuidado ai gatinha! – Math me segurou pelo ombro e eu consegui me equilibrar novamente caso contrário teria dado de cara no chão.
- Valeu! – passei adiante sem nem olhar pra ele, porém ele me puxou de volta murmurando alguma coisa que eu não pude entender – Me solta!
- Calma ai princesa, vamos conversar! – conversar? Aquele desgraçado tinha me deixado sozinha no meio do nada, tinha me forçado a fazer coisas que eu não estava preparada pra fazer, da pior maneira possível, ele é um ogro, um desgraçado, um merda.
- Math me deixa em paz! – soltei meu braço dele indo pra frente, mas ele insistiu me puxando novamente agora para mais perto dele, estávamos em uma proximidade perigosa, mas tudo que eu sentia era nojo, nojo daquele ser repugnante na minha frente. Ele tinha perdido qualquer tipo de consideração que eu tinha por ele, o que ele fez eu nunca, nunca vou esquecer.
- Você nunca vai me perdoar Candi? – ele colocou as mãos sobre meu pescoço e me abraçou forte alisando as minhas costas que estavam nuas por causa do decote. Ok, ele conseguiu me estressar. – Eu gosto tanto de você gatinha, eu estava curtindo tanto o nosso lance!
- ME SOLTA CARA! – o empurrei pra longe, mas ele me puxou contra seu peito novamente tentando passar a mão em mim, eu tentava empurra-lo dando socos em seu peitoral, mas ele parecia nem sentir, a música estava alta demais para que alguém percebesse que eu estava em apuros – MATH POR FAVOR!
- Que isso meu amorzinho! – ele alisou meu braço e mordeu os lábios soltando uma risada maliciosa – Não acha que é o dia perfeito pra terminarmos aquilo que você me impediu de fazer aquele dia?
- EU TENHO NOJO DE VOCÊ! – gritei jogando ele pra longe – ME DEIXA EM PAZ CARALHO! – o meu ato deixou ele tão bolado que dessa vez ele segurou meu braço com força, aquilo ia deixar uma marca, seus olhos estavam vermelhos, ele estava com tanta raiva que chegava a tremer como se fosse explodir a qualquer momento. Ele apertou mais forte ainda o meu braço e então eu parei de falar e senti algumas lágrimas pesarem, eu o olhava com medo, com muito medo. – Por favor, me solta!
- Não ouviu o que ela disse mané? – murmurou uma voz grossa vindo de trás de Math, não pude ver quem era e somente quando Math me soltou e se virou pra trás meus olhos puderam ver Zach que encarava Math com fúria, ele estava com uma camiseta branca de manga curta que deixava seus enormes músculos a mostra, é claro que o Math não ia querer se meter com ele. Math me fuzilou com os olhos e então saiu soltando fumaça pelo nariz. – Você está bem? – Zach passou a mão pelo meu ombro me olhando torto – Ele fez alguma coisa com você? Filho da puta.
- Está tudo bem, eu garanto! – afirmei sorrindo pra ele – Obrigada por me ajudar, eu não sei o que teria acontecido caso você não chegasse!
- Aquele moleque tá precisando levar uma surra! – resmungou puto da vida enquanto nós dois caminhávamos para onde eu queria ir antes de esbarrar naquele demônio – Sério, não suporto mais as gracinhas dele! Acredita que semana passada ele tentou agarrar a Ju a força?
- A Ju? – o assunto era sério, porém foi impossível não dar uma risada, essa garota era a mais difícil da escola, todos os garotos que se aproximavam dela levavam um chute, um tapa na cara, chinelada, tudo menos um beijo.
- Sim! – ele riu se acalmando mais – Ainda bem que ela segurou o pênis dele com tanta força que eu acredito que ele não o usa desde aquele dia!
- Ah Meu Deus! – gargalhei alto e coloquei meu braço na cintura dele tentando imaginar a cena, ah qual é, Math merecia isso e muito mais, ele acha que pode sair por ai pegando qualquer uma? Nem todas as garotas são tão sem cérebro assim.
- Eu juro! – ele pegou duas taças em cima de uma bandeja e me deu uma – Um brinde a garota que conseguiu colocar o Math no seu devido lugar!
- Ela realmente merece! – nossas taças se chocaram levemente e eu tomei em um gole só o surpreendendo, quer dizer, é quase como se relembrássemos a outra noite, quando nós esvaziamos várias garrafas de Uísque e Vodca naquela boate – Como está a faculdade?
- Vai bem! – nós paramos em um canto – Você já sabe o que vai fazer?
- Estou pensando seriamente em fazer Direito! – na verdade eu tinha pensado nisso depois de saber que a Emma está morando com o Justin, ela também faz Direito, nada melhor do que eu fazer também, certo? Até por que mesmo que não saíssemos na mesma sala poderíamos nos ver toda hora, ir pra faculdade juntos, ele poderia me ajudar com os trabalhos e eu acho que Direito é uma coisa que meu pai adoraria me ver fazendo, não que a opinião dele me importe, já importou muito porém agora eu quero que ele se foda por que ele adora esquecer que tem uma filha.
- Mas você não disse que ia fazer Psicologia? – perguntou confuso escorando-se na parede após terminar de tomar o líquido que continha na taça em suas mãos.
- É! – fiz uma pausa e peguei a taça dele e a minha e coloquei em cima de uma das inúmeras mesas que tinham ali – Mas é que eu mudei de ideia, é como os professores dizem, quando está no último ano você está constantemente mudando de ideia.
- No seu caso não foram nem dois dias! – ele começou a rir – Falando nisso, o seu namorado me assustou aquele dia, ele está aqui?
- Desculpa! – e o pior era que eu nem me lembrava se o Justin tinha feito alguma coisa com ele, tudo que eu me lembrava era que ele tinha sido sério e resmungão – Justin é um exagerado, ele está por ai em algum lugar!
- Eu entendo o ciúme dele! – murmurou pegando minhas mãos e brincando com elas, percebi essa mania desde aquele dia na boate. Zach parece ser fascinado por mãos femininas – Se você fosse a minha namorada eu não te deixaria sozinha nenhum segundo.
- Outro exagerado! – passei a língua nos lábios e cruzei uma perna na outra quando o salto começou a incomodar, odeio ficar em pé por muito tempo – Não sei pra que isso!
- Gostei do desenho! – comentou mudando de assunto – É uma galinha, um pato, o que é isso?
- É um pássaro idiota! – empurrei levemente seu ombro – Pato! – dei risada – Só você mesmo!
- Isso realmente parece um pato! – ele pegou minha mão novamente analisando cada detalhe do desenho – Ele é amarelo.
- Só por que é amarelo é um pato?
- Aham! – falou me fazendo rir – Agora deixa eu te dizer uma coisa, vai ter uma festa lá em casa amanhã, a maioria das pessoas da sua sala vão estar lá, vamos? Eu não aceito não como resposta.
- Eu não sei... – parei de falar.
- Pode levar o seu namoradinho birrento! – seus braços envolveram minha cintura e minhas mãos de repente estavam em seu pescoço, ele é respeitoso, somos apenas bons amigos, eu garanto – Por favor!
- Hum, vou ver com ele! Me passa seu número que qualquer coisa eu te aviso!
- Qual é o seu? – perguntou tirando seu celular do bolso já que a minha bolsa carteira estava com a Stacy em algum lugar daquele salão enorme, passei meu número pra ele e então ele mandou um SMS pro meu celular assim eu poderia gravar o número dele depois – Disse que você é linda então não deixa seu namorado ver pode ser? Assim eu fico vivo e tudo está ótimo.
- Besta! – dei um tapa em seu pescoço – Acho que vai ser legal Zach!
- O que está acontecendo aqui? – aquela voz era indiscutivelmente do Justin, e pelo seu tom ele não estava nada feliz em me ver abraçada com outro cara, ou melhor, com outro cara que ele não gostava por um motivo que eu não conseguia entender.
- Falou com o Chaz? – ignorei totalmente o ciúme dele e Zach tirou as mãos da minha cintura sem dar atenção para as palavras de Justin.
- Candi depois a gente se fala tá? Qualquer coisa só me ligar! – Zach fez menção de beijar a minha bochecha, mas Justin o fuzilou com os olhos então ele apenas sorriu fraco e saiu desaparecendo no meio da multidão.
- Por que estava falando com ele? – Justin perguntou irado – Eu disse que não quero você falando com esse garoto, eu disse Candi!
- Eu falo com quem eu quiser! – eu estava irritada com ele, eu não podia sentir ciúme daquelas putas no apartamento dele, mas era completamente ilegal falar com um amigo? Fala sério.
- Que ótimo, então continua! – ele deus as costas pra mim saindo dali às pressas, tentei grita-lo, mas ele estava me ignorando, fingindo que não ouvia. Algumas garotas tentavam para-lo se insinuando pra ele, mas ele as ignorava tanto quanto eu.
- Aonde você vai? – senti a mão de Stacy no meu braço me obrigando a parar, ela estava agarrada a Chaz que passava a mão em todos os lugares possíveis do corpo dela.
- Vou pra casa! – me soltei dela sem ao menos ouvir as inúmeras coisas que ela se estampou a falar. Corri lá pra fora por onde Justin tinha saído, o salto estava me machucando pra caralho, mas não importa, eu não ia tira-lo de jeito nenhum. Lá fora pude vê-lo praticamente correr em direção a sua Ferrari branca que estava estacionada no meio de outros centenas de carros daquele enorme estacionamento ao ar livre. – JUSTIN! – gritei apressando os passos, eu estava correndo o risco de tropeçar e destroncar o pé por culpa da infantilidade daquele idiota, e depois eu quem sou criança né – JUSTIN POR FAVOR, PARA ANTES QUE EU CAIA!
- O que você quer? – ele se virou pra mim como se estivesse prestes a desabar – Amanhã tudo vai acabar mesmo, amanhã tudo vai chegar ao fim, nada melhor do que fazermos isso logo.
- Quê? – estava mais próxima dele – Você ouviu a conversa? Amor se você não quiser não precisa ir à Festa, eu só ia se você fosse. O Zach mesmo falou pra eu te chamar, se você não quer ir tudo bem, nós ficamos em casa. Sabe nós podemos ver aqueles filmes de terror e eu posso até fingir que estou com medo só pra você me abraçar forte e dizer que tá tudo bem, ou então nós podemos pular na piscina por mais que esteja fazendo frio, eu topo até ir naquele restaurante de que fomos expulsos só pra vida ter mais graça. – eu estava parada na sua frente, ele estava de cabeça baixa tentando conter um choro compulsivo, não é possível que o ciúmes dele chegue a tanto, não é possível que ele esteja assim só por que me viu conversando com o Zach. Eu odiava ver o modo como ele estava, odiava não poder ver aquele sorriso perfeito nos lábios dele, eu odiava profundamente aquele momento, com todas as minhas forças, eu odiava. – Será que não entende? Você é tudo pra mim, você é mais que tudo. – minha voz saiu tremula, joguei os sapatos no chão e segurei seu queixo obrigando-o a olhar no fundo dos meus olhos – Você me ensinou a ser quem eu sou. Você me mostrou que eu só preciso ser eu mesma, você é a única pessoa nesse mundo que consegue me entender e me aturar, a única pessoa que nunca me deixou, você é raro Justin, é raro! – encostei minha outra mão em seu peito e pude sentir o seu coração acelerado, tão acelerado que parecia que ele ia saltar a qualquer momento – Eu não sei por que você está assim, mas eu preciso de você como à uma hora, rindo pras paredes e me mostrando que por mais que a vida seja difícil nós temos que rir na cara dela!
- Eu te amo Candice! – ele me abraçou forte, tão forte que eu achei que estava sendo desmontada, era mais forte do que o abraço que eu costumava dar nele, era um abraço diferente, era doloroso, era estranho, eu sentia uma coisa tão ruim dentro de mim, como se tudo estivesse prestes a desmoronar, como se o céu fosse cair sobre a minha cabeça a qualquer momento. Era um abraço que carregava uma culpa, um medo, um sentimento confuso que eu tentava decifrar, que eu não tinha coragem de perguntar por que tudo que eu queria era me agarrar aquele momento desejando que mesmo em meio aquela angustia, aquela incerteza e confusão, ainda assim, fosse eterno.
- Eu também te amo Jus! – retribui – Eu também te amo.
+120 comentários
Comentem *-* Anônimos comecem a se identificar por favor, thanks! haha chorando com a fofura de vcs, obrigada pelo carinho >33 Eu amo vocês demais, suas lindas! falem comigo (aqui)

139 comentários:

  1. Respostas
    1. UHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU PRIMEIRA, AGORA VOU LER

      Excluir
  2. segunda?uhuul Vou ler deve tá perfeitooo

    ResponderExcluir
  3. OMB indo ler
    deve ta perfeito

    ResponderExcluir
  4. http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ HAHAH continuaaaaaa e genteee leiam minha ib? http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/ http://sonhosdeumabranadense.blogspot.com.br/
    POR FAVAOR LEIAM HAHAHHAAHAHAH E DRICKA CONTINUA SUA DIVAA

    ResponderExcluir
  5. mt booom, continua essa perfeição logo gata!!!

    ResponderExcluir
  6. Como sempre, perfeito. Sério, você quer me matar né? Eu nao quero que eles terminem ): Continua logo, por favor.
    @kingdrewuhl

    ResponderExcluir
  7. aaaaaaaaaaaa que perfeito meus deus, o que será qe vai acontecer ?? ai q agonia. @giulyazogno

    ResponderExcluir
  8. -- First Dance --
    A MÚSICA MAIS PERFEITA, MARAVILHOSA, INCRÍVEL DO MUNDO INTEIRO :'D

    ResponderExcluir
  9. OMG! Drickaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa vou ter um Heart Attack por culpa sua ! aaaaaaaaaaaaaaaaaaaah

    @Le_gabriele

    ResponderExcluir
  10. Continua ta perfeito/ clarissa

    ResponderExcluir
  11. Ta muuuito perfeito, to amando, continuaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  12. Aaaaaaaaaaw perfeeeeeitoo. Continua gataa
    Ass brubs

    ResponderExcluir
  13. meu Deus perfeito como sempre vc arraça suaa linda ass:@Danielleamore

    ResponderExcluir
  14. Woount que perfeição waaan to entre as primeiras ^^

    ResponderExcluir
  15. Waaan gente ta muito lindo serio. eu to supeeer anciosa pro outro cap já!

    Vcs toodaas escritoras desse blog sao muito perfeitas suas lindas

    @SwaggyStunna24h

    ResponderExcluir
  16. Cassete que perfeito!♥♡ ,9vinha vc sabe como me prender na sua fic! Te amuuu dricka continua logo baby!♥♡♥♡♥♡♡

    ResponderExcluir
  17. ai meu deussssss, continua

    ResponderExcluir
  18. OMB, que perfeitooo *-* eu quero ler o outro logo, então não demora pleeeease.. continua drickalicia !!

    ResponderExcluir
  19. Caraca cara q pfto aksnsjnsjsskzjskosis to chorandooo :((( oq sera q vai acontecerrr??? Sos

    ResponderExcluir
  20. Continua logoo ta mt perfeito! /Isa

    ResponderExcluir
  21. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA to apaixonada

    ResponderExcluir
  22. ADOREI Dricka! Muito perfeito, o modo q vc escreve é tão perfeito! Eu A-M-E-I mas agr que vai começar o drama aiaiai, ja to até vendo eu me derramando em lágrimas! mas vai dar tudo certo ñ é... Beijos sua diva, te amo! <33

    ResponderExcluir
  23. Ameei, muito boom !! @dudamartinsbl

    ResponderExcluir
  24. continuaaaaaaaa ta perfeito pena que ta perto de acabar to tao a pegada a fic julia

    ResponderExcluir
  25. Em uma escala de 1 a 10 seu imagine é 1000 , continuaaaaaa , amando muiito :D

    ResponderExcluir
  26. Não acredito que amanhã tudo vai se acabar,sério :( Perfeito amor,continua logo (:

    ResponderExcluir
  27. Lindeza demais esse capítulo, chorei demais!
    Assinado: Luna chevalier

    ResponderExcluir
  28. Liiiiiiiiiiiiindo .. !! *---*

    ResponderExcluir
  29. ai meu Deus quase chorei com esse final
    continua dricka

    ResponderExcluir
  30. continuaaaa logo essa bagaça driket... meu deus kra, chorei... aposto q essa mudança de humor do justin é arte do chaz haahha

    @flirtjdb

    ResponderExcluir
  31. Ai meu deus esse Justin é muito ciumento , ooh good --' sushushushushshs , continuaa logo . Beijoos <3
    By : Maria Laura

    ResponderExcluir
  32. tadinha, ela vai sofrer tanto quando souber :( ... continua nega . @miinfb

    ResponderExcluir
  33. Perfeito!! Own Drew nao fica assim! Continua
    Ass: BibiGomes

    ResponderExcluir
  34. ai que perfeito :)
    Meu Deus ele não podem se separa, que dó :'(
    Continua flor

    ResponderExcluir
  35. continua, to amaaaaaaaaaando!

    ResponderExcluir
  36. sério mesmo essa ib mexe muito comigo sei lá é estranho eu amo essa ib continua...

    ResponderExcluir
  37. OOO q perfeito véei, nss esse capítulo me omocionou *-*
    vejo q no próximo poderei chora rios de lágrimas anciosa!
    continua sua linda!!

    ResponderExcluir
  38. continua , ta uma perfeicao em forma de imagine kkkk sz

    ResponderExcluir
  39. aaaaaaahhh qe pftoooo socorr.. Cont logo *0* oopsjustin aqi

    ResponderExcluir
  40. Oh dó!! Estou com pena Da Candice ela vai sofrer muito!! E o Justin, deve ser dificil pra ele!! Continua tá?! PS.: Estou desanimada, por culpa dessa fan fic, ela vai sofrer muito, eu me imagino no lugar dela, é serio da vontade de chorar!! A unica pessoa que eu tenho na vida vai me "deixar". Ainda "eu" vou estar gravida!! Sem ninguem pra conversar ou desabafar, sem uma melhor amiga, uma mãe ou irmã!! Isso é triste!!! Candice só te peço uma coisa: Fica bem tá! :'^(


    By: Jack :^/

    ResponderExcluir
  41. aiaiai dona Drickaaa eu quero a candi gravidaaaa ai eles ñ podem se separar u.u aii g-zuis tendo um heart attack!!!! continua logo sua lindaaa

    ResponderExcluir
  42. ta pfto, chorei no final. Tchau to morrendo de sono e vou acorda cedo pra ir para a escola bj - stephany

    ResponderExcluir
  43. Perfeição, isso que define P.I.P *-* você viu que eu falei dela no ASK e indiquei no twitter, né? Aww sua princesa ç.ç te amo, mas falando da fic, que capítulo foi esse? OMB !! Perfeito demais, Amanhã tudo acaba mesmo, MORRI NESSA PARTE DFKMSDKFNDGJNFKHJN continua *-*

    ResponderExcluir
  44. Ta muito perfeito amor *0*

    To amando muito, sério

    Continua logo

    Sera que você pode indicar e ler meu imagine anjo? http://sonhosde-belieber.blogspot.com.br/ Obrigada :)

    ResponderExcluir
  45. chorei , aaiin não quero q eles terminem ....contiinua

    ResponderExcluir
  46. OMG eu chorei nesse capituloo !!! Continua por favor !! Tah muito perfeito ....

    ResponderExcluir
  47. eu besta aqui chorei,imagina o proximo cap.entao né!!
    continua logooooo!

    ResponderExcluir
  48. Ownnttttttttttt ameii ! mas não quero que eles terminem vai ser péssimo cara , ainda não to preparada ,ainda falta coragem ! eles não podem terminar! e continuaaaa!

    ResponderExcluir
  49. podem me chamar de má,mas eu quero que eles terminem por um tempo,pra dar um drama a mais ma historia,continua sua lindja!,!,!!!

    ResponderExcluir
  50. muito bom cara ,continua!

    ResponderExcluir
  51. sério amei vc escreve super bem continua estou na espectativa !

    ResponderExcluir
  52. meu deus, continua logo, que perfeito *-*

    ResponderExcluir
  53. Aiiin , Cara .
    Demais , continua loogo .

    ResponderExcluir
  54. Olá lagrimas !! Ja to chorando agora imagina no final :o ai meu Deus tadinha da candi nao quero nem veer o sofrimento dela, sera q ela ja ta gravida? acho q sim por causa do dia da banheira, ela nao pode ficar nervosa nao, senao perde kkkkk continua logo to curiosa, aposto q vou chorar o capitulo inteiro :p mas ok. to esperando sua diva <3

    ResponderExcluir
  55. Aiii cara vc me fez chorar!

    ResponderExcluir
  56. coitada da Candi, vai sofrer tanto quando descobrir a verdade :((' ee o pobre Justin mais ainda :ss' AAAH continuaa gatinha, tu é a melhor (:

    ResponderExcluir
  57. Leitora nova aqui. Cara suas IBs são perfeitas. Li todas, uma melhor q a outra. Melhor blog q já encontrei. Continua. To super anciosa ^^ kisses diva.

    ResponderExcluir
  58. qee perfeiito , coontiinua loogo haha '-'
    Poor : Gabriella Araujo '

    ResponderExcluir
  59. Ameeeeei continuuuuuuuuuuuuuuuaaaaaaaa s222

    ResponderExcluir
  60. amei! q lindo, continua!!! by: leticia luiza

    ResponderExcluir
  61. Hoje eu não tenho AULAAAAAAAAAA KKKKKKKK é passeio e eu não fui!!! :P Por isso vou ficar o diA INTEIRO NA sua cola!!!

    By: JACK

    ResponderExcluir
  62. Meninas comentem ^^
    Tá Perfeito, Maravilhoso...
    C
    O
    N
    T
    I
    N
    U
    A

    ResponderExcluir
  63. OMG ! Acho q o proximo ser o drama triste q eu vou ler ! Meu Deus , Dricka continuua raaapido , bjoos

    ResponderExcluir
  64. aaaaaaaaaaaaaaaah meu deus que perfeição gente *0* Dricka vc é a+ kra, cada dia me apaixonando mais por essa fic, já estou prevendo que o proximo capitulo vai ser muuuuuuuuuuuuuuito triste e que eu vou chorar que nem uma condenada psé ... continua logoo sua linda, bju

    //@itmydrewlicia

    ResponderExcluir
  65. Continua gatonaaaaa. Ta mt perfeito. Pede agr 100 ou 110 comentarios pq as meninas sao preguicosas e n
    comentam hahahahhaha
    -Gabiii xx

    ResponderExcluir
  66. Continua ta muito perfeito ... nossa já é no próximo capitulo né? :'(

    ResponderExcluir
  67. Foi muito fofo o jeito q ele tratou ela!!
    Oq os fdp da família dela pensam q são?!
    Continua ta muito perfeito
    Lis

    ResponderExcluir
  68. ta muito perfeito vei vc e diva d+ viu

    ResponderExcluir
  69. ai to adorandorandorando!!!!

    ResponderExcluir
  70. vei ta perfeito d+ continua pfpfpfpfpfpfpfpfpf

    ResponderExcluir
  71. vei continua por favor eu to amando

    ResponderExcluir
  72. continua drika ta perfeito vc e diva

    ResponderExcluir
  73. continua linda ta muito bom

    ResponderExcluir
  74. continua vei ta muito maravilhoso

    ResponderExcluir
  75. ai vc e tao perfeita eu to amando muito vc escreve muito bem e tem que ter prgulho de si mesma por isso eu to amando muito essa fanfic

    ResponderExcluir
  76. meu deus essa fanfic ta simplismente perfeita vc tem que continuar pfpfpfpfpfpfpf vc escreve muito bem e merece todos os parabens do mundo ta bom drika eu to amando muito memso vc escreve bem d+ vei

    ResponderExcluir
  77. Cara,que perfeito!Melhor capítulo!Quase choro!
    Bjs,@AnaSaviaL :**

    ResponderExcluir
  78. Continua Drika sua Diva
    By:Tainá

    ResponderExcluir
  79. cooooooooooooooooooooooooooontinua dricka sua linda *-*
    @suvacodoaustin

    ResponderExcluir
  80. eu te amo lalalalalalla continua vai
    @gottabe1dlovato

    ResponderExcluir
  81. vai loooooooooooooooogo dricka continua
    @justendoswag

    ResponderExcluir
  82. ai kra no proximo capitulo tudo muda, jura pra você que to com medo, mais vai lá, continua *-*
    @cachinhosdamel

    ResponderExcluir
  83. vai lá Candi, se segura porque já vem bomba ;sss
    @littlethingnini

    ResponderExcluir
  84. é nois nessa porra
    @gabyhfreire

    ResponderExcluir
  85. posta logo por favor linda

    ResponderExcluir
  86. to adorando fofa vc e d+

    ResponderExcluir
  87. coisa linda, posta logo vai

    ResponderExcluir
  88. acho desnessesario essa demora toda viu ;\

    ResponderExcluir
  89. vai vai vai vai vai vai vai
    @lucianamoreira180

    ResponderExcluir
  90. ooooooooooooooover again com esse capitulo combina demais

    ResponderExcluir
  91. você é a++++++++ dricka e Candi com o Justin é maravilhoso, que pena que essa romance acaba no outro capitulo
    @dmorango

    ResponderExcluir
  92. aiaiaiaiaiaiaiiaiaiaiaiai ta demorando viu caraleo ksisfngfgipdfjhoc
    @sabrynaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  93. drama agora ai meu deus que agonia ;2

    ResponderExcluir
  94. vaaaaaaaaaaaaaaai drickinha do meu corassaum
    Vick

    ResponderExcluir
  95. chega princesinha e sai mendinga com o sapato na mão (8888 igualzinho a musica da Cadi e da Stacy fsdmfiodsnfdjfpds
    @suvacodoaustin

    ResponderExcluir
  96. Dricka ta perfeito posta logo principa s2

    ResponderExcluir
  97. Nossa que cap. divo posta logo o próximo !

    ResponderExcluir
  98. oooooooooooooooooooooooooooos comentarios ta chegando no 120 *-----------------------------------------------------------------*

    ResponderExcluir
  99. 120 comentários chega logooo

    ResponderExcluir
  100. 120º comentário... já pode postar, só acho bjs

    ResponderExcluir
  101. amei esse capitulo to ansiosa pelo próximo

    ResponderExcluir
  102. ai vei ta muito perfeita sua fanfic

    ResponderExcluir
  103. posta o mais rapido possivel pq ta muito legal sua ibh

    ResponderExcluir
  104. vei drika vc e muuuuuuuuuuuuuito diva posta logo vei ta muuuuuuuuuuuuuuuito legal

    ResponderExcluir
  105. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  106. peeeeeeeeeeeeeeerfeito dms, eles n podem terminar :( @drewgifted

    ResponderExcluir
  107. ameiiiii continua logo dricka amo vc pricesa é muito diva nao é meninas a amo vc

    ResponderExcluir
  108. Dricka sua linda posta o mais rapido possivel ta perfeito

    ResponderExcluir
  109. Ameiiiiii!!!!! E o Justin é mto ciumentinho néh kkkkkk

    ResponderExcluir
  110. vc poderia fazer duas IB's continuando essa é fazendo outra séria da Hora vc faz muito bem sou xonada nas suas IB's

    ResponderExcluir

Adoraria saber o que você achou do capítulo. :)